Margem de Lucro

O lucro é o que vai fazer a sua empresa crescer.. é o que vai dar aquela gordurinha reserva, para você investir em uma máquina, numa mesa nova.. em um armário.. sem ele você não cresce.. é o fermento do seu bolo!


Aqui não dá pra meter o pé na Jaca e querer ganhar 100 % de lucro.. aprendi no Sebrae que são raras as empresas que conseguem faturar 100% de lucro..

Pelo que aprendi, geralmente se coloca de 5 à 10 % do valor, como margem de lucro.

 

Se no Dragão, dos exemplos anteriores, temos o valor de 23,00 (custo variável + custo fixo + hora trabalhada), a margem de lucro (10%) vai ser 2,30.

Ou seja.. o preço mínimo que EU poderia cobrar nesse Dragão é de 25,30, para não ter prejuízos.

Porque EU?!

Porque o meu custo fixo é pessoal.. você pode ter um gasto inferior, se não pagar aluguel por exemplo..

Por isso que eu não posso sugerir um valor padrão. Cada artesã tem um gasto próprio na montagem da sua peça.

Se você consegue fazer um Dragão Pocket em uma hora.. o seu custo vai ser menor também.. se conseguir material mais barato (comprando no atacado, por exemplo), vai ter menor custo variável também.. se trabalhar de segunda à sábado.. e por aí vai.

 

Alias, você já viu como calcular a sua hora de trabalho? se não, clique na imagem abaixo.

E cabô por ai?! Não! Tem mais uma coisinha..

Sabe quando a cliente pede muitas peças e quer um descontinho?!

Pois é.. pra não sair no prejuizo, tem uma coisa chamada fator de multiplicação.

 

Fator de multiplicação

Essa é a gordurinha que serve para negociar desconto com o cliente.

Aqui geralmente pegamos o preço mínimo da peça (25,30) e multiplicamos por 2.. que vai dar 50,60.

Aí aqui entra o famoso bom senso.. Meu cliente pagaria 50,00 em um Dragão Pocket?!

Pois é..

 

O ideal é colocar aqui um valor um pouco à mais daquele que calculamos (25,30)..

Por exemplo.. eu poderia vender no varejo por 29,90 a unidade e no atacado, acima de 30 peças, por exemplo, por 26,90 cada.. e acima de 100 peças por 25,30.

 

Nunca posso cobrar abaixo dos 25,30.. porque eu não consigo lucrar com isso.. e estaria pagando para trabalhar.

É por isso que às vezes, trabalhamos tanto e não sobra nada no fim do mês.. porque não fazemos essas contas..

 

Mas… ainda tem mais uma coisinha, que precisa ser levada em consideração:

 

Valor médio de mercado

Esse é um fator importante. Você precisa estudar a sua concorrência.. precisa saber os preços que estão sendo praticados no seu mercado, para não ficar muito acima ou muito abaixo dos valores praticados.

Se o valor estiver muito abaixo do mercado, você vai ter mais clientes.. mas talvez não vai estar lucrando o que deveria..

Se o valor estiver muito acima, você pode ter poucas vendas.. ainda mais se o seu produto não for tão bem feito quando os outros..

Aqui, você precisa pesquisar quem são as pessoas que trabalham com o mesmo produto que você.. Vá no Elo7 e dê uma olhada nas lojas.. nos valores.. nos tamanhos.. nas quantidades.. e principalmente na qualidade!

Anote 5 pessoas e os valores que elas estão praticando e tire a média.

 

Por exemplo:

Maria: 22,00

Joana: 30,00

Cláudia: 45,00

Helena: 28,00

João: 32,00

 

Some todos os valores (22,00 + 30,00 + 45,00 + 28,00 + 32,00 = 157,00) e divida pelo número de pessoas (nesse caso 5) = 31,40

 

A média de valor para esse produto seria então de 31,40.

Então eu poderia vender nessa faixa de preço.. entre 29,90 (valor que eu calculei) até 32,00.. Chutando alto: 35,00

 

 

Você pode usar a nossa calculadora Online para simular os valores dos seus produtos artesanais!

Muito cuidado!!

Não use esse último item como única métrica para calcular o valor da sua peça (como muita gente faz).

Se você quer crescer como empresa, você precisa conhecer os seus números.. seus gastos.. seus ganhos..

Muita gente joga preços aleatórios e se você só usar a média como parâmetro.. hmmm hmmm… você pode estar no prejuízo e nem estará sabendo.

 

Se liga!

 

Preço x Valor

 

Temos também que levar em consideração que preço é diferente de valor.

Aqui estamos calculando o preço da peça.. e não o valor.

O valor entra inúmeros fatores.. como reconhecimento de marca por exemplo..

Quanto você pagaria para ter uma peça daquela artesã top que você ama? Só pelo fato de ter sido aquela pessoa que fez pra você?

Isso é valor!

É por isso que um Iphone não custa o mesmo que um Motorola.. O Iphone tem um nome forte.. tem um valor muito forte.

Mas isso já é assunto para outro post..

 

Compartilhar:

Deixe um comentário

TOPO